O que esse menino tem?

O que esse menino tem?

O que esse menino tem?
Por Pedro Ferreira
Formador AutismoS
Psicólogo

Sem que eu olhe, meus olhos reviram pra dentro querendo ver pelo avesso. A cabeça chacoalha birrenta e dou de ombros sem nem ser malcriado. É quase que jogar com fio desligado.

O incomodo dos espasmos está nas perguntas. Acharam o que é que o menino tem? Vou tentar segurar o olho pra quando ninguém fica olhando, tem vez que sara e o músculo assenta. E, aquietada, a extravagância fica esquecida. Tique nervoso não tem etiqueta, mas tem ética.

Crescido, falo ter contido os espasmos segurando vontades dentro dos ossos. Só nos olhos que não. As vistas permanecem desobedecendo e o olhar desincorpora. Desde que morreu meu avô que não sustento bem o pesado dos olhos. Até remédio que não quis em mim tomei. No rosto cabe tanto laudo quanto poesia.

Trecho do livro "Irmão do meio" de Pedro Ferreira (@psipedroferreira)